30.4.09


Amanhã é o dia em que me torno no lobo mau e os caracóis em avózinha da capuchinho vermelho, pois vou comê-los a todos!!! Nham, nham!!!
Eu A-D-O-R-O caracóis, diz quem me acompanha nestes pitéus que eu nem levanto a cabeça do prato!!!
Tenho a impressão que amanhã não como nada até às quatro da tarde... Assim mais fome tenho para os caracóis!!!!
Nham, nham!!!!!!!!!!!

22.4.09

Porque não tenho nada para fazer, porque me apetece e porque não resisto a este questionário de chacha, aqui vai:



1) Qual é o teu nome?
Sara Alexandra de Mendonça Evangelista Alexandre


2) Por que é que te deram esse nome?
A história do meu nome é bem peculiar e até engraçada (apesar de eu não lhe achar piadinha nenhuma). A minha mamãe não sabia que estava grávida de gémeas, sabia que ia ter uma menina e já tinha nome: Patricia. No dia do parto, eis o espanto de todos quando em vez de uma sairam duas! Aqui a comadre não tinha nome... E agora??? Que nome havemos de dar à raça da miúda??? Eis que aparece o salvador da situação, o meu tio Zé, que teve a gentileza e amabilidade de me chamar Sara. E asim me safei de chamar Cátia Vanessa ou outro nome mais pomposo!


3) Fazes pedidos às estrelas?
Desde que me lembro como gente que o faço...


4) Quando foi a última vez que choraste?
Não faço a mais pequena idéia...


5) Gostas da tua letra?
Gosto, apesar de ela sofrer mutações ao longo dos tempos.


6) Gostas de pão com o quê?
Pão com chouriço, com manteiga, com queijo e fiambre (e nunca com um deles apenas), pão torrado com manteiga, com hamburguer, com salsicha, com molho, com queijo fresco, com marmelada, enfim, gosto de pão!


7) Quantos filhos tens?
0


8) Se fosses outra pessoa serias tua amiga?
Olha lá... não sei, acho que sim, dependeria muito do dia em que me conheceria...


9) Saltarias de bungee-jump?
Never in my life!!!!!!!!!!!!!!!


10) Desapertas os sapatos antes de tirá-los?
Depende, se forem novos: Claro que sim! Se forem velhos : caguei.


11) Acreditas que és uma pessoa forte?
Sou, mas também tenho as minhas fraquezas...


12) Qual é o teu gelado favorito?
CHOCOLATE
(magnum de amêndoas e corneto de chocolate)


13) Preferes vermelho ou preto?
PRETO!


14) O que é que menos gostas em ti?
A minha falta de paciência para certas e determinadas coisas, a minha "Bruteza" matinal e outras, ser demasiado explosiva.


15) O que é que mais gostas em ti?
De ser como sou: verdadeira.


16) De quem é que sentes saudades?
Sinto saudades todos os dias das pessoas que amo de coração.


17) Descreve a roupa e o calçado que estás a usar agora?
Pijama e chinelos verde alface ;)


18) Qual foi a última coisa que comeste hoje?
Peixe cozido com bróculos, cenoura e ovo cozido.


19) O que é que estás a ouvir agora?
A TV.


20) Quem foi a última pessoa com quem falaste ao telefone?
Mi amor!


21) Qual é a tua bebida favorita?
Depende da hora do dia...
De manhã pela fresquinha: café
De tarde pelo pôr do sol: imperial
De noite ao jantar: Vinho tinto
Pela noite dentro: bacardi lemon com cola e caipirinha


22) E comida?
Depende...
Doce: Arroz doce, pastel de londres e tudo o que leve chocolate
Fruta: Banana
Snacks: LAYS GOURMET (AMO DE PAIXÃO)
Peixe: a pescada com natas da mamãe e bacalhau de toda a maneira e feitio (menos cozido)
Carne: frango assado (o da Guia é de lamber os dedos) e perna de borrego no forno com batatinhas.


23) Qual foi o último filme que viste no cinema?
Menina... já foi há tanto tempo que nem me lembro...


24) Qual é o teu dia favorito do ano?
Agosto, pois para mim é sinónimo de FÉRIAS!


25) Preferes Inverno ou Verão?
Depende...
Para trabalhar Inverno, para estar de papo para o ar e a curtir férias Verão!


26) Preferes beijos ou abraços?
Gostos dos dois em igual proporção.


27) Qual é a tua sobremesa favorita?
Arroz doce e mousse de chocolate.


28) Que livro estás a ler?
Amei-te em copacabana do Francisco Salgueiro.


29) O que tens na parede do teu quarto?
Para além da tinta três quadros.


30) Quais são os teus filmes favoritos?
Gosto de muitos, mas curto mesmo são os clássicos: Pátio das cantigas, E tudo o vento levou...


31) Qual foi o lugar mais longe a que já foste?
Hungria ou EUA ( não faço idéia qual dos dois fica mais longe!!!)


32) Diz uma música.
Sozinho, Caetano Veloso.


33) Diz uma frase.
Tás bem? Fica bem! ;)

19.4.09

Domingo com o sol a convidar para irmos para o barril dar uma passeata!
Foi um domingo em família, com os papás, os meus kiduchos lindos e a mana!
O G. brincou na areia e andou a fugir das "caochinhas"! Fez pistas de areia e jogou à bola com o "bobô". A C. sempre uma fofura e não chateou nadica de nada!!! É uma kida!!!
Eu e a mana pusémos o esqueleto ao sol e munidas de máquinas fizémos a reportagem deste domingo solarengo!

13.4.09

Domingo de Páscoa

O Domingo de Páscoa foi, mais uma vez e como manda a tradição, celebrado em família.
A famelga reuniu-se toda na casa da titia e foi só converseta da boa, muita risada, muita "peixarada" qual família siciliana e até tivémos cinema caseiro! Eu, mamãe, titia, mana e Xaloca, já em rocha, sentadas de sofázaca a derreter corações a ver o "Diário da nossa paixão". Devo dizer que o filme é lindo, com uma história muito bonita e um romance daqueles mesmo de ficar com a lágrima no canto do olho!
A nossa almoçarada que se trasformou em jantarada, pois a titia queria despachar aquela comezaina toda pois não estava para almoçar e jantar durante esta semana os restos "pascoais"!
Para abrir o apetite, e como é tradição no domingo de páscoa, pelos menos aqui nos Algarves, iniciámos a santa refeição :) com uns Griséus (para quem não é algarvio o griséu é o nome que se dá a famosinha ervilha) com ovos, toucinho e chouriça (e eis que aqui começa uma animada discussão que durou até ao final do almoço. O avô Zé a imbirrar porque é que a minha avó não tinha colocado a chouriça preta...)
Este típico prato foi confeccionado pela minha avó Lala que é uma cozinheira de mão cheia em comidinhas tradicionais!


Logo de seguida e sem dar tempo de fazer a digestão do primeiro prato, eis que surge o famoso borrego com batatinhas que estava uma perfeita delícia!!!
Esta comezaina foi confeccionada pela titia e o borreguito veio de terras alentejanas, mais propriamente de Grândola!




Para desenjoar tanta comidinha da boa, surge a famosa salada de fruta que também foi feita pela abuelita e estava de se lamber os dedinhos!




O famoso arroz doce e tão apreciado aqui pela menina, também fez parte desta mesa pascoal! A Nana aprumou-se neste arroz doce que veio expressamente de Grândola rumo a esta mesa algarvia ( e o qual a titia se encarregou de colocar num recipiente aqui para a menina, pois sabe que a sobrinha se lambuza por esta iguaria!).





Não faltou o famoso folar. Este folar não é algarvio mas sim alentejano. De cor, sabor, forma e consistência diferente do nosso folar algarvio, mas igualmente delicioso!




Outras variedades de folar também deram o ar da sua graça nesta farta mesa (venha mais comida, fónix já deitava comida pelos olhos!!!). O folar folhado com mel e o folar folhado com mel e frutos secos. Este último era de lamber os dedos e chorar por mais!!!



Depois de tão opulento manjar seguiu-se os cafézinhos e os cigarritos fumados à sucapa por causa dos abuelitos!
Foi mais um Domingo de Páscoa passado em muito boa companhia e para o ano há mais!!!

6.4.09

Miau Miau

Este poema foi escrito pelo meu avô Zé, que adora escrever, para além de ler!
Para que o poema faça algum sentido e nexo, é necessário que eu explique a história por detrás desta poesia.
A minha fonte fidedigna é a minha tia Lu que me contou o enredo desta história, então aqui vai:
O meu avô Zé sempre foi um grande "praticador" de partidas! Na Luz de Tavira andava sempre tudo em alvoroço com o Zé Cabeçudo, pois ele não a deixava por bendita e pregava sempre grandes partidas aos amigos, mas daquelas mesmo do piorio! Tipo roubar uma galinha, combinar uma patuscada com os amigos e convidar o dono da galinha e no fim este descobrir que aquele belo manjar que acabara de degustar tinha sido a sua própria galinha!
Mas não vamos perder o fio à meada e retomemos à história da poesia.
Na Luz de Tavira, há já tempos muito idos, o senhor Cantigas organizou uma grande petiscada de lebre e convidou os amigos. Acontece que no dia do pitéu compareceram os amigos convidados, os intrusos, os vizinhos e mais alguns!
Havia mais gente que comida e começa então a circular que o que comiam era gato e não lebre!
Foi um alvoroço! Um ai Jesus!
A sua veia de folião, do meu avô, falou mais alto e então de cada vez que o Senhor Cantigas passava à sua porta o meu avô sibilava "Miau, miau". E assim nasce este poema:

Miau Miau
Dizem p'ra aí que na Luz,
Houve um petisco de truz,
Em que lambuçaram tudo
Dum excelente serviço,
Onde entrou gato e ouriço
E também o Cabeçudo.
Lá p'rás bandas da estação
O caso fez sensação,
Houve quem sentisse febre
E andasse numa agonia,
Toda a noite e todo o dia
Por comer gato por lebre.
Houve quem comesse o gato
E ainda lambesse o prato
Sem saber da esparrela,
Mas depois, ai que arrelia!
Houve vómitos e azia
Ao pensar em tal mistela.
Dessa bela patuscada
Recordam a caldeirada
Levadinha, duma figa;
Depois é que foram elas
Os azedumes de goelas
E os miados na barriga...
Na opnião de um conviva,
O gato andava à deriva
Por falta de bacalhau
E até parece anedota,
Mas na Luz, nem por chacota,
Se pode dizer Miau.
Agora ninguém se atreve
A falar nem ao de leve
No tal pitéu lusitano,
Por causa do resfetêlo
Dizem que cai o cabelo
Ao comilões do bichano...


(in a Gazetilha, por Zé da Rua)

5.4.09

Fim de semana em Grande!!!

Este foi um fim de semana sem dúvida divertido!!!
A titia Lu "patrocionou" uma visita cultural, pedagógica e altamentes à nossa capital!

A malta a caminho do caos Lisboeta!



A SUPER FASHION mana à entrada daquele que é o magnífico Pavilhão Atlântico!

Espectáculo : "À procura de Nemo"

O espectáculo foi fabuloso! Fatos coloridos, cheios de brilho, imaginação, criatividade! Adorei o espectáculo, acho que tanto eu, como a titia e a mana, estávamos mais empolgadas e eufóricas que os miúdos!

Depois do espectáculo à que pensar na paparoca. Fomos almoçar ao restaurante "Sabor a Brasil" de frente para o tejo e com o Oceanário como pano de fundo!


O grandioso Oceanário!

Os miúdos estavam em perfeita euforia!

Não paravam quietos, gritavam de alegria e entusiasmo e deliciaram-se a olhar para o "grande" aquário (mana e tia, já pensaram colocar um aquário destes em casa??? Pelos vistos tem um efeito calmante e relaxante nos nossos kidos!)!




A visita culminou com uma viagem de teleférico, em que aqui a je estava quase a borrar-se pelas pernas abaixo!

O nosso Xalo dizia que estava a andar de avião...

Foi um fim de semana a repetir sem dúvida!!!